Iniciar sessão
Email Senha
Artigos / Finanças

09.03.2017

Finanças

Carlos Jeremias Pinto | Paula Gomes dos Santos

Estudo comparativo dos regimes financeiros das autarquias locais (LFL2007 vs RFALEI) e implicações na sua capacidade de endividamento

O novo regime financeiro das autarquias locais e das entidades intermunicipais (RFALEI), aprovado pela Lei n.º 73/2013, de 3 de setembro, entrou em vigor a 1 de janeiro de 2014 e revogou a Lei das Finanças Locais (LFL2007), Lei n.º 2/2007, de 15 de janeiro, introduzindo alterações ao nível do apuramento do endividamento municipal.
A presente investigação pretendeu identificar e compreender as principais alterações introduzidas pelo novo RFALEI face à LFL2007 e estudar em que medida estas transformações poderão afetar o acesso dos municípios ao endividamento.

07.09.2016

Finanças

Maria da Conceição da Costa Marques | Sofia Margarida Ferreira de Carvalho

Impacto da aplicação da lei dos compromissos e pagamentos em atraso no setor da saúde: um estudo de caso

O setor da saúde, compreendendo a Administração Central do Sistema de Saúde, IP (ACSS), as Administrações Regionais de Saúde, IP (ARS) e os Hospitais EPE, representa um peso significativo nas despesas do Estado, motivando, por isso, a adoção de medidas de contenção orçamental.

02.05.2016

Finanças

Jorge Soares Rafael

Serão os derivados armas de destruição maciça?

A Crise financeira de 2008 levou a uma crise de mercado sem precedentes, originada pela conceção do crédito subprime e o uso e abuso de derivados financeiros bastante perigosos. A Economia ainda não conseguiu recuperar dessa época de desregulação financeira, irresponsabilidade, risco e ambição.
Os derivados passaram a ser vistos como instrumentos perigosos que acabam com qualquer economia e, as vantagens que trazem comparado com o perigo que acarretam, não justificam o seu uso.
Será esta conotação negativa verdadeira? Serão os derivados estes instrumentos perigosos? Serão os derivados armas de destruição de valor?

01.12.2014

Finanças

Sandra Correia

Qual o desempenho económico-financeiro da minha empresa?

De acordo com a estrutura conceptual do SNC, as demonstrações financeiras de uma empresa devem proporcionar informação acerca da posição financeira, do desempenho e das alterações na posição financeira de uma entidade que seja útil a um vasto leque de utentes na tomada de decisões económicas. Mas a leitura estática (e em termos absolutos) das demonstrações financeiras não permite, isoladamente, obter uma análise completa e crítica sobre a situação de uma entidade quanto à sua estrutura de capitais, liquidez, rendibilidade, atividade e risco.

19.09.2014

Finanças

Maria de Fátima Rodrigues Cravo

A relevância da informação não financeira para a tomada de decisões de investimento: uma análise qualitativa no mercado de capitais em Portugal

A importância da divulgação de informação não financeira tem sido amplamente discutida na literatura contabilística. Diversos estudos, realizados quase sempre em países anglosaxónicos, evidenciaram a sua relevância quando combinada com a informação financeira. Esta conclusão é ainda mais notória quando se trata de valorizar empresas de sectores intensivos em intangíveis.